fbpx

Coloque seu celular no modo retrato

São muitos benefícios em ser assinante! Cadastre-se, Deguste sua Edição GRÁTIS e Assine!

Débora Aligieri Monitoração glicêmica: quais insumos são disponibilizados pelo SUS?

Advogada Débora Aligieri explica quais são os direitos e os insumos que as pessoas com diabetes podem retirar no SUS para medir a glicemia em casa. Acessórios variam conforme o tipo de diabetes

| 23/11/2020

Monitoração glicêmica: quais insumos são disponibilizados pelo SUS?

Por Débora Aligieri

Para conquistar uma vida saudável, a pessoa com diabetes deve adotar uma série de hábitos e medidas visando o melhor controle possível de sua glicemia. Acompanhar os valores glicêmicos ao longo do dia através da monitorização é uma dessas práticas importantes de autocuidado, pois ajuda na verificação da eficácia do tratamento proposto pelos profissionais de saúde aos pacientes, assim como aponta a necessidade de adaptações conforme as mudanças no nosso corpo e na nossa vida.

No mercado, há diversas opções de equipamentos médicos para monitorar a glicemia, desde glicosímetros até sensores de glicose intersticial, associados ou não à bomba de insulina. E no Sistema Único de Saúde (SUS), quais são as opções disponíveis? Elas se estendem para qualquer pessoa com diabetes?

Conforme a Lei Federal nº 11.347/2006, os diabéticos devem receber os materiais necessários ao monitoramento da glicemia capilar gratuitamente pelo SUS, estabelecendo a Portaria nº 2.583/2007 o fornecimento de tiras reagentes e lancetas (artigo 1º, inciso II, letras “b” e “c”). Mas o artigo 2º dessa Portaria restringe o acesso aos usuários insulinodependentes. Ou seja, só tem direito ao recebimento de glicosímetro, fitas medidoras e lancetas pelo SUS as pessoas com diabetes (de qualquer tipo) que usam insulina.

Na edição 24 da revista Momento Diabetes, a advogada, blogueira e ativista em saúde Débora Aligieri comenta a Lei Federal e fala sobre a importância de todos os pacientes com diabetes conhecerem seus direitos e reivindicá-los. Clique aqui e compre seu exemplar!

Leia outros artigos da advogada Débora Aligieri, que tem diabetes tipo 1 e luta pelos direitos das pessoas com diabetes.

Direito à informação: importante ferramenta no cuidado e no controle social

Compartilhe